Mário Bueno foi um artista campineiro que produziu muitas obras. Consta que mais de mil obras – desenhos, pinturas, colagens, etc – constituem o seu acervo pessoal. Toda esta riqueza é ainda mais surpreendente quando se atenta para o fato de o artista ter iniciado sua carreira relativamente tarde. Teria começado a pintar por volta de seus trinta anos.

O artista afirmava que a sua disposição para as artes já o acompanhava desde a infância. Mas seu emprego inicial foi o de ferroviário. Buscou, a partir de dado momento de sua juventude, desenvolver sua vocação: tornou-se um autodidata na  arte.

Sua condição de ferroviário, de viajante, certamente lhe inspirou muito em suas futuras criações, tanto que as paisagens são uma constante em sua obra. Não apenas as paisagens bucólicas, naturais, mas aquelas que contém os elementos introduzidos pelo homem – casas, ruas, vilas, etc.

Em seu acervo existem muitas séries, ou ‘coleções’, cada qual com um tema básico. Assim, além de séries sobre paisagens, há séries com outras fixações ou motivos do artista: trens, navios, barcos, corpos...

Conforme seu desenvolvimento artístico, Mário Bueno ampliou suas abordagens e chegou a compor muitos escritos sobre arte. Passou a produzir obras com elementos abstratos, signos, ‘sugestões’. Enim, como ele próprio dizia, aperfeiçoou sua capacidade de retratar sentimentos.

As obras de Mário Bueno ficaram muito tempo confinadas em sua casa, longe dos apreciadores. Talvez devido ao grande e evidente amor que o artista tinha pelas suas criações. E também devido à sua busca de aperfeiçoamento artístico. Guardaria suas obras para, posteriormente, estudá-las e descobrir-se em sua obra; e, mesmo, descobrir elementos de sua criação ainda inconscientes, por serem feitos de maneira espontânea. [leia mais]

Mário Bueno - FERROVIA 1  - Óleo sobre duratex, 37x54 cm - 1954

 

Mário Bueno - série Paisagem
Mário Bueno - série Paisagem
Mário Bueno - série Paisagem
clique para ampliar as imagens
Mário Bueno - série Manequim
Mário Bueno - série Manequim
Mário Bueno - série Manequim

in

memoriam

1919-2001

galeria@iar.unicamp.br galeria de artes instituto de artes

Pinturas, Desenhos e Monotipias de 1952 a 1993. Apresentação da coleção de obras do artista adquiridas pela Unicamp

veja outras fotos

lançamento de catálogo e nova exposição

MÁRIO

BUENO